Browsing articles in "Futebol"
Oct 27, 2012

Sem muito esforço

Timão derrota o Vasco no primeiro teste pré-Mundial

TimãoNet 

Bom para as observações de Tite, ruim para o sonho do Vasco de chegar à Libertadores. A atuação de Paolo Guerrero ainda pode não ter sido a esperada, mas o peruano fez o único gol da vitória do Corinthians e deixou o time cruzmaltino cada vez mais distante da “América” na próxima temporada. O grupo de Marcelo Oliveira não consegue se reaproximar do G-4 e segue em queda: esta é a quinta derrota seguida da equipe.

O grandalhão que herdou a camisa 9 de Liedson no Timão ainda está longe de convencer, porém, cumpriu no segundo tempo a missão para qual foi contratado ao pegar rebote na área e soltar uma bomba, indefensável a Fernando Prass. Pontos para quem briga com Romarinho, Emerson, Martinez e Jorge Henrique por uma vaga de titular no Mundial de Clubes, em dezembro, no Japão.

O Timão continuará seu período de experiências diante do Atlético-GO, no próximo domingo, às 17h, provavelmente em Brasília, pois o adversário perdeu mando de campo e ainda está escolhendo o local. A classificação no campeonato, pouco importante para quem não briga pelo título ou contra o rebaixamento, mostra o clube paulista em oitavo, com 47 pontos.

O Vasco, que dominou o primeiro tempo e carimbou o travessão adversário em falta batida por Felipe Bastos, está cada vez menos forte. Em crise dentro e fora de campo, amargou a quinta derrota seguida e poderá ver o São Paulo abrir ainda mais vantagem na luta pela Libertadores. De quebra, já foi superado pelo Inter e caiu para sexto lugar, com 50 pontos. Domingo, pega o Sport, às 17h, em São Januário.

O Vasco ignorou o mau momento no campeonato, a crise e o forte calor em São Paulo para minar as forças do Corinthians no Pacaembu. Com uma marcação muito eficiente nas principais peças do Timão, a equipe carioca controlou praticamente todo o primeiro tempo, mas não teve forças para ficar em vantagem. Faltou qualidade ofensiva para se impor diante de um campeão da Libertadores sonolento e disperso.

Nilton e Felipe Bastos foram leões na marcação de Douglas e Paulinho, respectivamente. Marlone e Eder Luis seguraram Alessandro e Fábio Santos pelos lados. Trancados, os corintianos perderam toda a criatividade e viram os visitantes comandarem a partida desde o início. A estratégia, porém, não apresentou resultados ofensivamente. Carlos Alberto e Juninho, os melhores tecnicamente, pouco produziram.

O Corinthians só acordou a partir dos 28 minutos, quando Guerrero, em tarde ainda discretíssima, obrigou Fernando Prass a fazer boa defesa em chute no canto direito. No mais, o peruano, aposta para ser titular no Mundial, apenas reclamou, seja de faltas ou de um pênalti inexistente. Martinez foi outro muito aquém do esperado para ameaçar a vaga de Emerson, machucado. Apenas Romarinho conseguiu levantar parcialmente a Fiel com alguns lances de efeito.

Os principais lances ficaram para o fim, cada um com uma oportunidade de marcar. Felipe Bastos carimbou o travessão em cobrança de falta de longa distância, enquanto Douglas, livre de marcação na área, errou o chute no canto direito e perdeu grande chance de salvar a exibição corintiana.

A bronca de Tite no intervalo acordou o Corinthians. Ou, pelo menos, deixou a equipe mais rápida no ataque para sair da forte marcação adversária. Paulinho apareceu mais vezes e, dos pés dele, surgiu a primeira grande chance dos paulistas na etapa final. Alessandro recebeu do volante nas costas da defesa e cruzou. Martinez cabeceou entre a zaga e Fernando Prass fez um milagre.

Depois de um primeiro tempo sem aparecer muito, Paolo Guerrero finalmente mostrou seu poder de centroavante para abrir o placar, aos 13 minutos. Após cobrança de escanteio e confusão na área, o grandalhão pegou o rebote e soltou a bomba no canto esquerdo, sem chances de defesa.

O Vasco não teve forças para reagir. Carlos Alberto ficou enfiado entre os zagueiros e praticamente não apareceu. Marcelo Oliveira ainda tentou com a entrada de Jhon Cley no lugar de Marlone, mas não teve resultado. Os cariocas aceitaram a desvantagem e permitiram que o Timão continuasse melhor. Os paulistas reclamaram muito de um pênalti em Romarinho após choque com Renato Silva na área. Vuaden ignorou.

Nos minutos finais, sem ser sufocado em nenhum momento, o Corinthians passou a administrar a vantagem. Tite ainda colocou Jorge Henrique, Edenílson e Guilherme Andrade em campo para reforçar a marcação e ganhar velocidade. No primeiro “teste” antes do Mundial, o Timão mostrou que ainda precisa melhorar. Sem muito interesse no próprio time, os torcedores corintianos resolveram provocar os rivais palmeirenses, que lutam contra o rebaixamento, cantando “você vai cair, porco” nas arquibancadas.

www.timaonet.com.br

Oct 27, 2012

Gente fina

Fernando Lázaro coordena setor responsável por analisar rivais do clube

Fernando Lázaro coordena setor responsável por analisar rivais do Clube

27/10/2012 – 06h00

Filho de ex-lateral Zé Maria vira arma de Tite para desvendar segredos do Chelsea

Bruno Thadeu
Do UOL, em São Paulo

Tite recebe relatórios e vídeos periódicos do Chelsea, principal concorrente ao título do Mundial de Clubes. A ordem é separar tudo sobre o clube inglês e também de possíveis adversários da estreia do Mundial de Clubes. O material preparado pelos funcionários do Corinthians tem Fernando Lázaro como um dos integrantes. Há sete anos no clube, Fernando é filho do ex-lateral Zé Maria, ídolo corintiano nos anos 70 e 80.

Filho de Zé Maria via espião eletrônico de Tite para o Mundial de Clubes
Foto 3 de 5 – Equipe voltada a colher informações do Chelsea e possíveis adversários do Corinthians no Mundial. Integram o setor os funcionários Fernando Lázaro, Felipe Batista, André Dias, Thiago de Rose e Robson Soares Bruno Thadeu/UOL

Em uma sala no CT Joaquim Grava, o responsável pelo setor de Tecnologia Esportiva do Corinthians intensificou a análise dos concorrentes no Mundial.

  • Campeão europeu, o Chelsea deixou de atuar em função do centroavante (Drogba saiu), explorando a agilidade dos meias Mata, Hazard e Oscar. Mas as informações mais específicas são guardadas pelo setor de inteligência do Corinthians.

“Separamos vídeos de jogos, de posicionamento em faltas e características dos atletas. É um processo gradual e que também é acrescentado com as informações vindas da Inglaterra [o auxiliar técnico Geraldo Delamore foi assistir aos jogos do Chelsea]”, disse Fernando.

Nos jogos da Libertadores, o setor de tecnologia e inteligência dissecou as principais estrelas rivais, entre eles Riquelme e Neymar.

O campo de atuação do argentino foi analisado. Tite soube que Riquelme atuava numa faixa esquerda de ataque. Dias antes das finais, Ralf treinou caindo pela faixa preferida pelo ex-camisa 10 do Boca.

Das informações colhidas em jogos anteriores de Neymar, Cássio sabia que o santista costumava finalizar com mais costume pelo lado direito, da meia altura para cima. Tite, inclusive, usou esses dados em sua palestra para o mercado corporativo.

“O Tite tem esse interesse de ter muitos detalhes dos adversários. Mas o trabalho não fica apenas na análise dos vídeos. Temos pessoas que vão a campo acrescentar informações. Não dá para dizer que isso ganha jogo. Mas o Tite sabe que quanto mais dados pegamos, maior é o conhecimento sobre o rival, evitando surpresas”.

www.uol.com.br

Comentário do Blog do Citadini: Bela matéria. Só há um pequeno equívoco: ele está há mais de 7 anos no Clube.

Oct 27, 2012

Carta ao futuro

Brigada Miguel Bataglia

SEXTA-FEIRA, 26 DE OUTUBRO DE 2012

CARTA ABERTA AO FUTURO PREFEITO DE SÃO PAULO

Nós, da Brigada Miguel Bataglia, na linha intransigente de defesa do Sport Club Corinthians Paulista, consequentemente da Cultura secular que cerca o patrimônio Futebol, como a prática de o Torcedor ocupar as fileiras dos Estádios, manifestar-se livremente no espetáculo coletivo que é o próprio sentido do Futebol, viemos publicamente perante a Prefeitura de São Paulo exigir:
1.  Redução imediata da tarifa dos ônibus, que aumentou o dobro da inflação na última década;
2.  Regulamentação do espaço no entorno dos estádios em dias de jogos, fixando preço popular ao monopólio dos estacionamentos e fornecendo cuidadores e orientadores gratuitamente para quem estaciona na rua;
3.  Permitir e incentivar o comércio de alimentos no entorno do estádio, como é feito em feiras livres, com barracas autorizadas e fiscalizadas;
4.  Garantir serviço sanitário básico, com banheiros químicos;
5.  Mudar radicalmente a função da PM e da Guarda Civil Metropolitana nos eventos esportivos: de repressores de ambulantes e torcedores, ao apoio ao espetáculo;
6.  Segurança e orientação dos torcedores de responsabilidade do evento esportivo: tratamento com o público civil terá de ser desmilitarizado;
7.  Redução dos preços e melhoria do serviço de alimentação prestado nas dependências dos estádios;
8.  Imediata liberação ao torcedor do uso de bandeiras, faixas, instrumentos musicais, devolvendo ao espetáculo sua liberdade criativa, sua espontaneidade popular, que mais que construir o caráter do próprio futebol, é parte inalienável da Cultura Brasileira;
9.  Proibição taxativa de horário de jogos que não condizem com o transporte público para retorno dos torcedores em segurança, qualidade, e aproveitamento do evento.
Estamos falando de eventos com a presença de dezenas de milhares de pessoas, que por horas irão se dedicar aos espetáculos.
Consideramos que o Poder Público deve ser um incentivador da presença massiva, e não um entrave, um obstáculo, criando uma situação falsa de inimizade entre os interesses público e do Torcedor.
Somos quem faz a Festa do Futebol. Somos quem construímos esta cidade!

Brigada Miguel Bataglia
http://www.brigadamiguelbatglia.blospot.com

 

Oct 27, 2012

Olho vivo, professor

Tite estuda adversários do Mundial: “É único título que não tenho”

Luiz Ricardo FiniSão Paulo (SP)
O Mundial de Clubes tem um significado especial ao técnico Tite. Como se não bastasse a importância normal de um torneio desse porte, o treinador explica que a competição no Japão é a única que ainda não tem no comando de clubes de futebol e já estuda atentamente os possíveis adversários para completar o currículo.

“Se de alguma forma participei do título que o clube não possuía, agora o Corinthians me dá a possibilidade de conseguir o único que não tenho na carreira. Conquistei os outros em todos os escalões. Sou o único treinador brasileiro a vencer a Sul-americana. Falta o Mundial”, explicou.

Djalma Vassão/Gazeta Press

Tite já venceu Gaúcho, Copa do Brasil, Sul-americana, Brasileiro e Libertadores: falta o Mundial

Em competições estaduais, Tite triunfou três vezes em seu Estado de origem, o Rio Grande do Sul, pois foi campeão em 2000 (pelo Caxias), 2001 (Grêmio) e 2009 (Internacional). Até na segunda divisão gaúcha o técnico obteve o primeiro lugar, em 1993, pelo Veranópolis.

À frente do Tricolor gaúcho, o profissional levou a Copa do Brasil de 2001. Já no comando do Internacional, foi campeão da Sul-americana de 2008. No Corinthians, o técnico recheou o currículo com um Brasileirão (2011) e uma Libertadores (2012).

Agora, Tite quer o Mundial de Clubes e, por isso, avalia os detalhes das equipes que podem enfrentar o Timão na semifinal do torneio (o Alvinegro entra direto nessa fase).

“O Al Ahly, que vai enfrentar o Esperance, tem um grupo montado há três ou quatro anos, tendo o Aboutrika como grande nome. Vou acompanhar agora os japoneses, sendo que o Hiroshima é um dos candidatos, junto com outro clube. Falei com o Mauro (da Silva, olheiro corintiano) sobre a equipe da Nova Zelândia também”, afirmou.

De acordo com o sorteio das chaves realizado pela Fifa, o Corinthians tem três possibilidades de enfrentamento na estreia do Mundial: o Auckland City (neozelandês que representa a Oceania), o campeão japonês (Sanfrecce Hiroshima e Vegalta Sendai dividem a liderança) e o representante africano (Al Ahly e Esperance fazem a final no continente).

Na decisão no Japão, a maior possibilidade é o encontro com o Chelsea, que também recebe a atenção de Tite. “Eles jogam com Hazard de um lado, Mata do outro… Vocês (jornalistas) nos enchem de informações”, brincou.

www.gazetaesportiva.net

Oct 26, 2012

Opa! Será?

 

À caça de reforços, Corinthians mira Renato Augusto, Gil e Cleberson

Meia do Bayer Leverkusen, e zagueiros do Valenciennes e Atlético-PR ganham força no clube e podem ser contratados para a temporada 2013

Por Carlos Augusto Ferrari
São Paulo

 

A renovação de contrato do técnico Tite foi apenas o primeiro passo dado pelo Corinthians pensando na temporada 2013. Antes da viagem para a disputa do Mundial de Clubes, em dezembro, no Japão, a diretoria do Timão quer encaminhar todo o planejamento para a chegada de reforços. Alguns nomes ganharam força no clube nas últimas semanas e podem ser contratados. São os casos do meia Renato Augusto, do Bayer Leverkusen, da Alemanha, e dos zagueiros Gil, do Valenciennes, da França, e Cleberson, do Atlético-PR.

Contratado do Flamengo como uma grande aposta para o futuro, Renato Augusto vive um período de baixa na Alemanha depois de seguidas lesões. Foram apenas duas partidas disputadas na atual temporada europeia. O retorno ao Brasil para atuar pelo atual campeão da Libertadores é visto com bons olhos para tentar resgatar o sucesso de quando chegou à Seleção Brasileira, em 2011.

Montagem, Gil, REnato Augusto e Cleberson (Foto: Editoria de Arte / Globoesporte.com)
Gil, Renato Augusto e Cleberson são alvos do Corinthians (Foto: Editoria de Arte / Globoesporte.com)

A seu favor na negociação o Corinthians tem o empresário Carlos Leite, parceiro do clube em diversos negócios desde a gestão do presidente Andrés Sanches – ele agencia também do atual elenco o goleiro Cássio, o zagueiro Wallace e o atacante Romarinho. Os paulistas não descartam investir alguns milhões para a compra dos direitos, já que o atleta tem apenas 24 anos e poderá ser revendido no futuro em caso de sucesso.

Para a posição de armador, o Timão tem neste momento os titulares Douglas e Danilo e o reserva Ramírez. O peruano, porém, não se firmou desde que foi contratado e recentemente declarou à imprensa do país dele que gostaria de ser negociado para atuar com mais frequência. Além disso, os outros dois já superaram os 30 anos.

Gil é um antigo sonho corintiano para reforçar a defesa. Clube e jogador conversam desde o fim do ano passado, mas o zagueiro não conseguiu a liberação do Valenciennes e chegou a reclamar publicamente por não ser emprestado – o clube francês queria, no mínimo, € 3 milhões (R$ 7,83 milhões) para iniciar as negociações, valor descartado pelos corintianos.

O acerto pode esbarrar no bom momento vivido pelo defensor na França. Ele é titular da equipe quinta colocada, apenas quatro pontos atrás do líder Paris Saint Germain. No entanto, o ex-cruzeirense gostaria de regressar ao Brasil para ficar mais próximo da família e ganhar mais visibilidade em um clube que disputará a Libertadores novamente.

Renato Augusto na partida do Bayer Leverkusen contra o FC Cologne (Foto: EFE)Renato Augusto em campo pelo Bayer (Foto: EFE)

No planejamento elaborado pela diretoria e comissão técnica do Corinthians está também a contratação de um zagueiro mais jovem. Cleberson, do Atlético-PR, é o nome que mais agrada. O jogador, de apenas 20 anos, vem sendo um dos destaques do Rubro-Negro paranaense na Série B e chegaria como uma aposta para o futuro. A concorrência pelo atleta é pesada, envolvendo clubes brasileiros e até o Arsenal, da Inglaterra.

O Timão quer também diminuir a média de idade do grupo, principalmente da defesa. A equipe conta neste momento com Chicão (31 anos), Paulo André (29), Wallace (24) e Anderson Polga (33). Os garotos Antônio Carlos e Felipe, pouco aproveitados na temporada, serão emprestados. O setor conta ainda com os laterais Alessandro (33) e Fábio Santos (27).

A idade pesa contra o chileno Rojas, do Universidad de Chile. O jogador, de 29 anos, agrada à comissão por atuar como zagueiro e lateral-esquerdo, mas o clube não quer fazer grandes investimentos em um atleta que não terá mais tanto tempo de carreira. O ex-vascaíno Anderson Martins, do Al Jaish, do Catar, também anima o departamento de futebol, porém, a pedida de mais de R$ 10 milhões inviabiliza o acordo.

O Corinthians vem sofrendo para encontrar no mercado um lateral-esquerdo reserva no mercado. Tanto que passou a cogitar a pedir o retorno de Ramon do empréstimo ao Flamengo ou efetivar o garoto Igor, que será melhor observado pelos assistentes de Tite. O Timão quer também um centroavante para ser opção de Paolo Guerrero.

www.g1.com.br

Oct 26, 2012

Ronaldo e Vampeta, é festa!

Feliz com procura, Marcos pede calma a Ronaldo e Vampeta em seu jogo

São Paulo (SP)

Marcos se animou com a informação de que já foram vendidos  15 mil ingressos para o jogo de sua despedida, entre o Palmeiras de 1999 e a Seleção Brasileira de 2002, em 12 de dezembro, no Pacaembu. E o ídolo do Verdão já pediu, de forma bem humorada, respeito a dois de seus maiores convidados.“É bom eu me preparar pra tomar pouco gol… Vamos com calma Fenômeno, Vampeta e companhia…”, brincou o ex-jogador do Palmeiras em suas contas oficiais no Twitter e no Facebook, nesta quinta-feira.O ex-atleta, que anunciou sua aposentadoria em janeiro, manteve relação de amizade com os dois ex-jogadores do arquirrival Corinthians durante a Copa do Mundo de 2002, vencida pelo Brasil. Marcos e Vampeta vestiam as camisas de Palmeiras e Timão, respectivamente, quando eram homenageados pelo então presidente Fernando Henrique Cardoso em Brasília pela conquista do pentacampeonato.

Djalma Vassão/Gazeta Press

Ex-goleiro fez brincadeira ao falar do reencontro com dois companheiros na conquista da Copa do Mundo de 2002

Agora, a alegria do eterno ídolo palmeirense é pela procura para seu jogo – as vendas já representam 60% dos lugares na arquibancada amarela e nas cadeiras laranjas centrais.

“60% das arquibancadas esgotadas para o dia 12, fera hein?!”, escreveu Marcos.  Ao todo, foram disponibilizados para a partida cerca de 34 mil bilhetes, que podem ser adquiridos pelo site www.futebolcard.com 

www.gazetaesportiva.net
 
Oct 26, 2012

Vai, Corinthians

Direto da Europa
25.outubro.2012 05:21:44,
Jamil Chade

Fifa anuncia fase final para venda de ingressos para Mundial de Clubes

Corinthianos terão a partir do dia 11 de novembro sua última chance para comprar ingressos para o Mundial de Clubes, no Japão em dezembro.

A Fifa acaba de anunciar que as vendas online serão reabertas pelo site FIFA.com. Mas alerta que essa iniciativa será a última oportunidade que torcedores terão para comprar entradas.

Os organizadores japoneses já alertaram que o número de torcedores corinthianos buscando ingressos surpreendeu e que o que resta para ser vendido não será substancial. Cerca de 10 mil entradas já foram vendidas no Brasil e o Corinthians já alertou os organizadores que a presença dos torcedores será importante.

www.estado.com.br

Oct 25, 2012

Banzai !

Sabrina e o Corinthians


Sabrina: vai animar o Timão

Pânico resolveu enviar Sabrina Sato ao Japão para cobrir os jogos do Corinthians no Mundial de Clubes. Sabrina embarca no dia 6 de dezembro.

Por Lauro Jardim

Oct 25, 2012

Boa, professor.

 
Tite prorroga o seu contrato com o Corinthians até o final de 2013

 

Helder Júnior
São Paulo (SP)

O Corinthians não esperou nem o Mundial de Clubes começar para renovar o contrato de Tite. Nesta quarta-feira, exatamente dois anos após a sua reestreia (com vitória por 1 a 0 sobre o rival Palmeiras) no comando do clube do Parque São Jorge, o técnico prorrogou o compromisso até dezembro de 2013.

Com 138 jogos a serviço do Corinthians desde o seu retorno, Tite contabiliza 72 vitórias, 39 empates e 27 derrotas. A primeira passagem, entre 2004 e 2005, rendeu 24 triunfos, 15 igualdades e 12 resultados negativos.

As conquistas do Campeonato Brasileiro de 2011 e da Copa Libertadores da América deste ano valorizaram bastante o comandante corintiano, que já chegou a ser contestado por torcedores. Ao contrário do que ocorreu na temporada passada, quando demorou a renovar o seu contrato com o clube, Tite resolveu a questão rapidamente desta vez e recebeu um aumento salarial.

Na terça-feira, o treinador já dizia que a prorrogação do vínculo com o Corinthians seria efetuada sem muitos problemas. Tite também havia elogiado a diretoria e as transformações por que o clube passou nos últimos anos.

www.gazetaesportiva.net

Oct 24, 2012

Só gritar no estádio

CORINTIANOS TERÃO QUE CONTER GRITOS NO JAPÃO

 

Atenção, corintianos: o grito e a euforia pela disputa do Mundial de Clubes terão que ser contidos. Pelo menos nas ruas e transportes públicos do Japão. Segundo o Consulado Japonês em São Paulo, o comportamento é vital para manter uma boa relação com os orientais. O “bando de loucos” deve restringir os coros e hinos entoados ao Timão somente nos estádios em que a equipe estiver jogando. Com isso, o “Vai Corinthians” terá que ficar guardado para a hora da partida, na arquibancada.

A orientação é parte de uma lista com dicas de comportamento, feita a pedido do Portal da Band para os corintianos que pretendem se aventurar em terras japonesas durante o Mundial.

Outro alerta é para a coleta seletiva no país. Garrafas, papéis e plásticos em geral devem ser separados conforme as orientações na hora de jogar o lixo. Os bilhetes dos trens também devem ser guardados com cuidado, já que é necessária a apresentação dos comprovantes na hora de embarcar e desembarcar do transporte.

Já os fumantes deverão ficar atentos aos locais permitidos para o uso do cigarro. Lugares abertos podem parecer aptos para fumar, mas o Consulado avisa que céu aberto não significa que o uso do produto seja liberado, por isso se deve tomar cuidado antes de acender um cigarro no Japão. Portanto, o corintiano que quiser fumar no estádio para aliviar a tensão do jogo, terá que se informar primeiro.

www.marca.com.br

Pages:«1234567...16»